17/08/2008

RELATO DE EXPERIÊNCIA

Queridos docentes,
Vocês planejaram uma seqüência de ensino usando um objeto de aprendizagem do repósitório do RIVED. Esse plano foi executado na sua escola, com seus alunos e, agora, queremos saber como foi essa experiência. Contem-nos qual foi o tema de sua aula, o objeto utilizado, onde e de que forma ela foi ministrada e avaliada, a interação durante a aula, a aprendizagem ocorrida, os resultados, enfim, tudo o que vocês acham que é relevante destacar.
Coloquem, aqui, seus relatos de experiência e leiam os dos seus colegas.
Abraços calorosos!
Socorro Souza e Vilani

38 comentários:

Wanderley disse...

"Relato de Experiência"
-Tema:Resolvendo Exercícios (Matrizes)
Através da resolução dos exercícios envolvendo adição, subtração, multiplicação de um número real por uma matriz e a obtenção de uma transposta, o aluno pôde desenvolver uma aprendizagem significativa, por se tratar de uma metodologia nova. Atingindo assim excelentes resultados, uma vez que na sala de aula não haveria tal envolvimento, em que a maioria das atividades propostas, ficaria sem resolução

manoel disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIA

TEMA: Equações do 1º grau

AULA: Algebrativa

PÚBLICO ALVO: Alunos da 6ª Série – 7º ano

ESCOLA: E. E. Gov. Walfredo Gurgel – Antônio Martins –Rn

PROFESSOR: Manoel Messias Gomes

ASSUNTOS:

a)ENIGMA – Distribuição de uma herança entre herdeiros Árabes – Os alunos se saíram muito bem, visto que o assunto já havia sido trabalhado em sala de aula. No entanto, ainda houve alguns que tiveram dificuldade na resolução.

b)ATIVIDADES INTERATIVAS: BALANÇA INTERATIVA.

Não apresentaram nenhuma dificuldade, pois esse assunto já havia sido trabalhado na sala de aula.

c)RESOLVA:

Uma atividade que aborda a resolução de equações, sendo da maior importância para fixação do conteúdo que estamos trabalhando em sala de aula.

Levamos 4 horas aulas em sala de aula e 2 horas aulas no laboratório de informática.
Os alunos acharam extremamente interessante, embora alguns tenham encontrado dificuldades no manuseio do computador, visto que muitos deles moram na zona rural. Mas, no final, o que valeu foi a aprendizagem.

O material utilizado foi apenas papel e lápis para a resolução das equações.

AVALIAÇÃO:
Quanto à avaliação, observei que houve bastante participação na resolução das situações problemas e que houve uma aprendizagem significativa para todos eles. Pois esse é o principal objetivo de todos nós.

kaline disse...

CONTEÚDO: Funções inorgânicas
PÚBLICO ALVO: Alunos da 1ªsérie do ensino médio.
OBJETO DE APRENDIZAGEM: Os efeitos químicos da chuva ácida - simulação.
Resolvi escolher este objeto de aprendizagem, pois os alunos têm muita dificuldade em associar o conceito de ácido - propostos pelos cientistas - com seu cotidiano. Além de apresentarem dúvidas em organizar reações químicas.
Os alunos acharam extremamente interessante. Observei que muitas dúvidas foram sanadas e eles puderam, através das situações na simulação, desenvolverem uma aprendizagem significativa.

Evarista disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIA
Tema: Saúde e doenças
Público alvo: alunos do primeiro ensino médio
Este objeto de aprendisagem estimula todos a terem um comportamento de respeito com o meio ambiente, além de orientar algumas precauções que devemos ter com as causas das doenças.
Durante a atividade os alunos apresentaram dúvidas para desenvolver e organizar os resultados. Os mesmos gostaram bastante, observei que eles tiraram muitas dúvidas e durante a simulação desenvolveram uma boa aprendizagem.

ANTONIA ZILMA disse...

RELATO DA EXPERIÊNCIA
O OBJETO DE APRENDIAZAGEM DO REPOSITÓRIO DO RIVED,EXPERIMENTADO PROPORCIONOU O CÁLCULO MENTAL, A ATENÇÃO DE MODO INTERATIVO.FOI MINISTRADO NUMA CAPACITAÇÃO ONDE OS ENVOLVIDOS PARTICIPARAM ATENTAMENTE DO JOGO ENIGMÁTICO.

Fatinha Câmara disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIA

AULA DE BIOLOGIA - Genética (transmissão de caracteres adquiridos)

PÚBLICO ALVO: Alunos do 3º Série do Ensino Médio

ESCOLA: E. E. Professor Antônio Dantas Apodi –RN

PROFESSORA:Maria de Fátima Câmara Oliveira

A aula ministrada teve duração de 2 aulas, percebemos que houve um melhor entendimento e interesse por parte dos alunos, onde interagiram com facilidade e alegria. No final podemos perceber que esse objeto virtual trabalhado(O caso do rebanho de Jacó) atingindo assim excelentes resultados,sabemos que na sala de aula não teríamos tanta empolgação e envolvimento.


Valeu Pessoal...Até uma próxima oportunidade

Eduardo Alves disse...

EDUARDO ALVES TURMA - 09
RELATO DA EXPERIÊNCIA
O OBJETO DE APRENDIAZAGEM DO REPOSITÓRIO DO RIVED,EXPERIMENTADO INCENTIVOU A PROPORCIONAR O CÁLCULO MENTAL E RACICIONIO LOGICO, A APLICAÇÃO DE MODO INTERATIVO.FOI LECIONADO NUMA CAPACITAÇÃO ONDE OS ENVOLVIDOS PARTICIPARAM ATENTAMENTE DO JOGO ENIGMÁTICO.

Edmilson fernades disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIA


Tema: conservação da quantidade de movimento I

A atividade foi desenvolvida no laboratório da escola onde contou com a participação de duas turmas do ensino médio, fazendo com que todos participassem e se envolvessem, atingindo assim o objetivo esperado.

francisco edmilson fernandes da silva - turma 06

ALEXANDRE disse...

TURMA 15

RELATO DE EXPERIÊNCIA
TEMA: Leis de Newton e os Carrinhos de Rolimã
PÚBLICO ALVO: Alunos do 1ª ano (Ensino Médio)
ESCOLA: E. E. Gilney de Souza- São Miguel-RN
PROFESSOR: Francisco Alexandre da Silva




Através do objeto utilizado em sala de aula, os alunos interagiram mais, fazendo várias simulações e tirando dúvidas, tornando a aula mais interessante, e com isso, proporcionando uma aprendizagem mais significativa, atingindo excelentes resultados.
No decorrer da aula observei que os alunos acharam bastante interessante essa nova metodologia, pois tornou a aula mais atrativa e por isso deve ser trabalhado mais vezes.

Maria Jervani disse...

RELATO DE EXPERÊNCIAS
TEMA: Trigonométria na ponte.
PÚBLICO ALVO; Alunos do 2º ano (ensino médio).
ESCOLA; Escola Estadual Gilney de Souza. São Miguel,RN.
PROFESSORA: Maria Jervani Beserra de Carvalho.
No início do ano trabalhei o assunto de trigonométria no segundo ano e agora aproveitei o objeto de estudo e voltei a ministrar novamente este conteúdo, introduzindo o objeto de estudo , oqual despertou um interesse muito vantajoso e os alunos acharam interessante e observaram atentamente os movimentos que proporcionavam posições diferentes nos triângulos e formatos diversos que demonstravam triângulos equiláteros, isósceles e escaleno, proporcionando a curiosidade de descobrir o seno , cosseno e a hipotenusa, como tamém o gráfico do seno que representava legivelmente o período, o domínio e a imagem.Por isso devemos aprender muito mais para trabalhar melhor o nosso aluno.
Maria Jervani

maria da conceição-turma 12 disse...

CONTEÚDO: GEOMETRIA
Público Alvo: alunos do 1º ano – ensino médio


Este objeto foi escolhido devido a falta de conhecimento sobre poliedros. Eles analisaram os poliedros do objeto e identificaram o número de faces, de arestas e de vértices. Além das formas de cada face. Depois foi pedido um relatório da aula.

TURMA 03 - ROSIANA PAULINO DE OLIVEIRA - SÃO RAFAEL disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIAS
TEMA: OSMOSE
PÚBLICO ALVO:3ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO
OA: APRENDENDO POR OSMOSE
ESCOLA ESTADUAL PROFª CLAUDECI PINHEIRO TORRES - SÃO RAFAEL
PROFESSORA: ROSIANA PAULINO DE OLIVEIRA - TURMA: 03
A aula foi desenvolvida com uma explanação teórica sobre osmose e os vários processos que está relacionado com tema em nosso dia-a-dia. Depois fizemos algumas demonstrações práticas sobre os gradientes de concentração. Em seguida trabalhamos no laboratório da escola o OA "Aprendendo por Osmose, onde contou com a participação de todos os alunos que acharam bastante interessante, embora alguns tenham encontrado dificuldades no manuseio dos computadores. Para a realização dessa aula propomos como avaliação a análise da participação ativa e desempenho dos alunos, no momento de exposição do assunto quanto nas experiências e apresentações do OA.

turma 03 - Railson Barros Cunha - São Rafael disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIAS
TEMA: SAÚDE E PREVENÇÃO DE DOENÇAS
PÚBLICO ALVO: 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO
OA: NÃO ME SINTO BEM
ESCOLA ESTADUAL PROFª CLAUDECI PINHEIRO TORRES - SÃO RAFAEL
PROFESSOR: RAILSON BARROS CUNHA - TURMA: 03
O decorrer da aula desenvolveu-se a partir dos conhecimentos prévios dos alunos sobre as questões de saúde e as formas de prevenção contra doenças. Durante o horário de aula discutimos sobre as melhores formas de se manter protegidos de doenças e quais seriam os hábitos mais saudáveis para nossas vidas. Os alunos lançavam questões diversas sobre vários tipos de doenças como : o que causava doenças como dengue por exemplo, e a partir de indagações desse tipo, apresentávamos os comportamentos a serem seguidos para, pelo menos, dificultar a proliferação dos mosquitos transmissores. Foram também citadas outras doenças e os comportamentos a serem seguidos para a prevenção. Após as discussões em sala de aula nos encaminhamos para o laboratório de informática onde seguimos os passos anteriormente apresentados na sequencia de ensino e observamos o OA “não me sinto bem”. Como avaliação estabelecemos os critérios de análise e reflexão do assunto além da participação ativa e desempenho dos alunos, no momento da aula expositiva e na apresentação do OA.

kaline disse...

CONTEÚDO: Soluções
PÚBLICO ALVO: Alunos da 2ªsérie do ensino médio.
OBJETO DE APRENDIZAGEM: Soluções - simulação.
Os alunos apresentam dificuldade em assimilar, apenas com explanação do conceito, o assunto de soluções. Portanto observei que com o uso do objeto de aprendizagem, eles conseguiram calcular, com mais facilidade, diferentes concentrações de soluções e relacionar com seu cotidiano. No final podemos perceber que com o uso do objeto virtual, a aula se tornou mais atrativa e interessante, levando os alunos a participarem mais.

Jusciano Fernandes Costa disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIA
Tema: Resolvendo equações através de balanças.
Público alvo: alunos do 7° ano do ensino fundamental.
O objeto de estudo apresentado foi muito interessante para os alunos, pois através dele os alunos conseguiram resolver equações do 1° grau de uma maneira mais fácil. Por outro lado, eles consideraram a atividade bem interativa e dinâmica.

JUSCIANO FERNANDES COSTA TURMA:06

socorro oliveira disse...

RELATO DE SEQUÊNCIA DE ENSINO
turma 12
OBJETO TRABALHADO: Ampliando as noções trigonométricas


O objeto foi apresentado aos alunos do 3º ano do ensino médio, para que os mesmos pudessem ampliar seus conhecimentos matemáticos no conjunto dos números complexos e que teve uma duração de 3 horas aulas: sendo uma hora aula no laboratório de informática e 2h horas aula na sala de aula (sendo uma antes da aula no laboratório e outra depois).
Na sala antes de usar os computadores os alunos trabalharam o conjunto dos números complexos e sua representação. Em seguida fomos para a sala de informática onde os alunos tiveram oportunidade de usar os computadores para observar na tela o funcionamento de um motor que com o aquecimento do mesmo, e num determinado tempo, formavam ângulos e que na discussão com o colega descobriam as relações entre a matemática da escola com o cotidiano. E também analisaram os ângulos maiores que 360º e negativos.
Foi mostrado no computador 3 atividades e cada atividade foi explorada através de 2 momentos.
Na atividades 1:

1º momento: foi observado a simulação do funcionamento do motor, alguns ângulos e seus respectivos senos.
2º momento: discussão entre alunos para responde: DICA 1, DICA 2, DICA 3

Na atividade2:

1º momento:
A tela da atividade 2 tem o desenho do motor, este agora realizará algumas voltas
no sentido anti-horário.
2º momento: discussão entre alunos para responder: DICA1, E DICA2, DICA3 E DICA4.

Na atividade 3:

1º momento:
Na tela da atividade 3 têm dois círculos trigonométrico um
girando no sentido horário e outro no sentido anti-horário.
DICA1
Segundo momento: Após o primeiro momento o aluno terá que discutir com os
colegas e responder uma questão. DICA2, DICA3 E DICA 4.

Após a aula no laboratório os alunos trabalharam na sala de aula as atividades do livro didático sobre números complexos.
Portanto os alunos gostaram muito da aula, conseguiram entender a relação da matemática da sala de aula com o cotidiano e conseguiram entender melhor os ângulos maiores que 360º e negativos, ampliando assim seus conhecimentos matemáticos.

Aparecida Nunes disse...

A experiência vivenciada com objeto virtual: O Trabalho de Mendel com ervilha. Realizada no laboratório de informática da Escola Estadual 12 de Outrubro - Ensino Fundamentale Médio, com as turmas do 3º ano do ensino médio; orientada pela professorade Biologia (Aparecida Nunes-Graduada do curso de Ciências Biologicas pela UERN). Que serviu de recurso para uma melhor assimilação genética-facilitando o ensino-apredizagem.
Proporciona a oportunidade da utilização desse novo recurso para o desenvolvimento das competências e habilidades de interpretações e compreensão de situações problemas, envolvendo características hereditárias dos pr[oprios alunos.
No primeiro momento, despertou nos alunoscuriosidade pelo fato de ser algo novo. Depois, sentiram uma dificuldade na realização dos cruzamentos, que logo foi superada e veio o interesse em fazer todas as atividadespropostas.
Espero q esta experiências tenha despertado o interesse e servido de estímulo para que os nossos alunos tenham a consciência de que seber e conhecimentos são interligados e, o seu futuro profissional depende dos dois.

APARECIDA NUNES

Francisco José Gonçalves disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIA
TURMA 15
TEMA:VETORES
PÚBLICO ALVO: 1°ANO
ESCOLA: E. E. GILNEY DE SOUZA
PROFESSOR: Francisco J. Gonçalves


Com a utilização do objeto virtual da aprendizagem relacionado ao assunto trabalhado, podemos dizer que a aprendizagem foi significativa, pois através do mesmo os alunos puderam observar caractéristicas que jamais seriam vistas com o uso do livro didático.Com o uso dessa nova metodologia, as aulas tornaram-se mais prazerosas e os exercícios sequenciados, enriqueceram o conhecimento e renovaram a visão do aluno em relação ao assunto, tornando-se mais eficaz a avaliaçao e a integração dos mesmos.

Moacyr Gondim Lóssio Neto disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIA

TEMA: "Quão grande é"

Resolvi usar esse tema com meus alunos do 2° ano do ensino médio, pois trabalha microrganismos de diversos reinos.
Pretendi enfatizar as diferenças e semelhança dos organismos mostrados no objeto de estudo. Outro ponto debatido foi a preocupação com a saúde. Foram colocadas as prováveis causas de doenças transmitidas pelos microrganismos.
a aula expositiva serviu mais para utilizar a forma mais tradicional, debatendo-se conceitos. Já na aula ministrada no laboratório de informática, utilizando o objeto de aprendizagem, houve mais interação tanto entre os alunos, como com tema abortado, tendo em vista que o objeto de aprendizagem trabalha com o construtivismo, utilizando um "joguinho" para manter a aula mais agradável e mais produtiva.
O jogo apresentado pelo objeto de aprendizagem propõe várias situações vivenciadas no nosso cotidiano, assim os alunos foram se motivando cada vez mais a cada resposta correta e consequentemente a cada ponto conquistado.

neci disse...

NECI PRAXEDES DISSE...
Relato de experiência
Tema osmose
Público alvo: 1º ano do ensino médio
Objeto de aprendizagem: aprendendo por osmose
A atividade ora estudada foi desenvolvida na sala dos computadores da escola estadual Francisco de Assis Pinheiro em Itaú – RN.
A aula iniciou-se na sala de aula com a explicação teórica sobre osmose, em seguida levamos os alunos para a sala dos computadores, onde ficou estabelecido que seriam três alunos em cada computador, pelo fato da escola dispor de um pequeno número de computadores.
Os alunos interagiram com a atividade, fazendo várias simulações e tirando dúvidas acerca do assunto ora estudado.
Desta forma, a aula tornou-se bastante atraente e produtiva tanto para o professor como para os alunos, pelo fato de atribuir excelentes resultados do assunto em pauta.
A avaliação foi desenvolvida, através da participação ativa e desempenho dos alunos no momento da aula expositiva e da apresentação dos objetos de aprendizagem.
Eu como professora de biologia gostei muito da experiência, e espero estar com todos vocês no próximo encontro.
Um abraço e até breve
Neci Praxedes Itaú - -RN

LÁZARO disse...

JOSÉ LÁZARO GURGEL DE BESSA - TURMA 9.

"Relato de Experiência"
O tema da aula foi Radiações e o objeto utilizado foi "Propriedades das Emissões Radioativas - Poder de Penetração", desenvolvido na Escola Estadual 12 de Outubro - Ensino Fundamental e Médio, em uma aula de Química com uma turma de
2ª Série do Ensino Médio. Foi ministrado em sala de aula alguns conceitos e propriedades das radiações e em seguida no laboratório de informática, onde os alunos visualizaram o objeto de aprendizagem e interagiram com as simulações usando dos experimentos com os radioisótopos,para verificar quais radiações eram emitidas e quais os objetos que as emissões radioativas atravessam ou que as detém. Tiveram uma boa aprendizagem pois viram virtualmente o que pode ocorrer se formos expostos a alguns materiais radioativos. A avaliação foi feita com os exercícios doobjeto e com um questionário sobre o tema.

Aécio Gabriel e Ozanido Almeida disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIA
DISCIPLINA:Física
TEMA:Forças e as leis de Newton
OBJETO DE APREDIZAGEM:Forças em ação
Escola Estadual Pedro Martins Fernandes - Viçosa/RN
1ª série do ensino médio.
Professores:Aécio Gabriel e Ozanildo Almeida

Como a turma tem 31 alunos e a escola só tem 09 computadores no laboratório, usamos 04 horas/aula, dividindo a turma em dois grupos passando assim 1,5h/a com cada grupo no laboratório, depois 01h/a foi com toda turma na sala de aula.
Bom, no laboratório, orientamos os alunos a abrirem o objeto de aprendizagem, primeiro a animação interativa sobre forças atuantes em um corpo, ai, questionamos se colocassem valores diferentes para o objeto de aprendizagem o que aconteceria com a força de atrito o resultado foi muito bom, colocações boas dos alunos sobre esses valores, levantaram questionamentos interessantes que nos surpreendeu isso a respeito do conteúdo, foram muitas as perguntas os questinamento, onde a parti dessa discussão eles iam elaborando seus próprios conceitos, mostrando a aula participativa e motivadora com boas colocações sobre o conteúdo e o objeto de aprendizagem. Em seguida orientamo-os a abrirem as outras atividades do OA, como exemplo: saba mais, o texto sobre forças e o cotidiano, mapa conceitual e por último as questões e desafios do OA. Observamos que a participação dos alunos nas discussões foi boa e que leva o aluno a tirar seus próprios conceitos em relaçao ao conteúdo.
Depois das duas turmas no laboratório reunimos toda turma na sala de aula, procuramos na medida do possível instigar ainda mais questionamento e buscar soluções para as respostas da questões e desafios do OA e sem dúvida teve um bom resultado na resolução dessas questões.
Ficamos muito gratificados com o resultado da aula.

Antonio Maros de Freutas Rego disse...

Relato de experiência com objeto.

Tema: Profissões x Matemática

Aula: Matemática

Série: 1ª série.

Escola: E. E. margarida de freitas-
Portalegre/RN.

Professor: Antonio Marcos de Freitas Rego.

Conteúdo: O objeto trabalha com
funções linear e constatante,
funções crescente e decrescente.

Objetivo: Relacionar funções com o cotidiano, que o aluno possa identificar salário comissionado, salário fixo como funções. O aluno tem a oportunidade de relacionar no dia-a-dia que funções está presente em qualquer parte do mundo, seja como for, ao abastecer um carro, comprar um calçado, salário de sua familia, área do terreno de sua residência, etc.

Avaliação: A avaliação se processar na medida em que o aluno interagem com o objeto, conseguindo execultar as operações indicadas, pois só conseguirá prosseguir se concluir com exaltidão cada etapa do objeto. fazendo corretamente é possível compreender o que representa realmente função, que tipo de função está lhe dando.

Comentários: O objeto foi execultado no dia 04/09/2008 na 1ª séria do ensino médio. No desenvolvimento foi possível detectar erros na execursão do objeto, como, inversão da fórmula da função linear, o que possibilitou contraversias na definição da seguinte função.

Evânio Dantas disse...

Categoria: Matemática
Sub-categoria: Geometria - Geometria Espacial.
Público-alvo: Alunos da 1ª série do Ensino Médio.
Objeto de aprendizagem: cubo Mágico.
Conteúdos trabalhados: Números inteiros, geometria, direção, localização.
A aula foi introduzida na sala de aula, de forma dialogada, onde expusemos o tema que seria abordado no laboratório de informática. Tivemos o auxílio da professora coordenadora do laboratório de informática, onde a mesma nos subsidiou durante toda a aula. A aula foi desenvolvida de forma interativa, onde os alunos demonstraram mais interesse, superando nossas expectativas, desenvolveram algumas habilidades, tais como: socialização e raciocínio lógico. Eis aqui alguns depoimentos dos mesmos: "a aula foi diferente"; interessante e desafiadora; um quebra-cabeça: !estimulante", pena que o tempo foi pouco." A avaliação foi feita durante a aula, de forma contínua. Outros objetos de aprendizagem serão explorados na mesma série e em outras.

Marcone disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIA

AULA DE FÍSICA – Corrente Elétrica e Circuitos

PÚBLICO ALVO: Alunos da 3º Série do Ensino Médio

ESCOLA: E. E. Jerônimo Rosado

PROFESSOR: Marcone Benevides

Turma: 03

Durante minha visita ao laboratório de informática com meus alunos da 3ª série do Ensino Médio do turno vespertino, foi uma experiência agradável, pois tive a oportunidade de mostrar aos meus alunos procedimentos de conteúdos trabalhados em sala de aula. No laboratório de informática através de simulações, Os alunos tiveram oportunidades de ver como é, por exemplo, os movimentos de cargas elétricas num fio condutor, na oportunidade resolveram questões do exercício proposto na simulação, diferente de nossas avaliações feitas no nosso cotidiano, quando o aluno erra uma questão não tem como consertar mais, já na avaliação virtual eles tiveram oportunidades de resolver de errar e consertar a simulação proposta no exercício. Muito produtivo e os mesmos ficaram mais atentos em resolver quentões.

Ana Celi - Turma 3 disse...

RELATO EXPERIÊNCIA
AULA DE QUÍMICA
PÚBLLICO ALVO: 1º ANO ENSINO MÉDIO
ESCOLA: EEJR
PROFESSORA: ANA CELI
TURMA 3.

ASSUNTO: USINAS: LEIS DOS GASES

Durante a exploração do objeto, o professor observou o desenpenho do aluno por meio de sua interação durante a atividade realizada, os alunos acessaram primeiro os experimentos, visualizaram todo o objeto participando interativamente das simulações e das atividades propostas, anotaram dúvidas, perguntas e alguns comentários que foram discutidos após o término da atividade. Em seguida sugeri aos alunos um relatório em grupo sobre a importância do trabalho realizado e conclui com os relatos feitos pelos alunos que foi um relevante trabalho.

Benedito disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIA
ENSINANTE/CURSISTA: Benedito José de Queiroz
TURMA: 12
INSTITUIÇÃO: E. E. Ivonete Carlos – Ens. Fund. e Médio
SÉRIE/ANO: 2º Ano do Ensino Médio
OA: Arranjo

Em 11 de setembro de 2008, na escola Estadual Ivonete Carlos – Ensino fundamental e Médio vivenciamos uma experiência inovadora nas aulas de Matemática do 2º Ano do Ensino Médio; enfocando a compreensão sobre “Arranjo” e sua aplicabilidade na vida cotidiana dos aprendentes. Para tanto, utilizamos uma metodologia em três momentos seqüenciais: sala de aula/ Laboratório de Informática com utilização do AO/ sala de aula.
No primeiro momento realizamos a exposição sobre a temática, reforçando alguns conceitos basais; já no segundo momento, conduzimos os aprendentes a fazerem uso do micro para interação com o AO: Arranjo; o que proporcionou maior empolgação e estímulo dos aprendentes, haja vista os desafios propostos nas diferentes atividades do AO. Salientamos que mesmo tendo sido bastante significativa, ainda existe aqueles aprendentes que tentaram fugir da proposta de estudo.
O terceiro momento foi vivenciado em sala de aula para aprofundamento e discussão sobre a experiência vivida, bem como, para resolução de problemas diversos, como forma de consolidar os conhecimentos adquiridos nos momentos anteriores da experiência e em outros momentos da vida escolar e cotidiana.
Desse modo, podemos dizer que o uso dos OAs, quando bem planejado e explorado, contribui significativamente para a aprendizagem colaborativa e significativa dos conteúdos escolares.

João Amaral disse...

Relato de experiência de aula de química ocorrida no dia 12 de setembro de 2008


Aluno/cursista: João Amaral de Oliveira-turma 12

Tema: soluções

Público alvo: alunos do 2º ano do ensino médio

Instituição: E. E. Ivonete carlos Ensino Fundamental e Médio



Nesta aula que teve a participação de cerca de 15 alunos , tive a oportunidade de mostrar aos mesmos o objeto soluções do rived. Como eles já tinham visto durante esse bimestre os conteúdos referentes as concentrações das soluções, iniciei a aula
mostrando o OA na sala de computadores

Durante as simulações feitas no OA, observei que a maioria dos alunos se interessaram e interagiram com o programa. Após a aula perguntei aos alunos participantes se haviam gostado do OA e eles comentaram que a aula era muito boa mas, que seria inviável numa turma com mais de 20 alunos, uma vez que o laboratório de informática da escola só possui 10 computadores.

Contudo estou ciente de que é procurando inovar que encontraremos o caminho para uma aprendizagem significativa dos conteúdos ministrados em sala de aula.

Maria Nubia dos Santos - Turma 6 disse...

"RELATO DE EXPERIÊNCIA"

TEMA:SOLUÇÕES - AULA DE QUÍMICA
PÚBLICO ALVO: Alunos da 2ª série do ensino médio.
ESCOLA ESTADUAL 'JERÕNIMO ROSADO"
PROFESSORA: Maria Núbia dos Santos

A atividade foi ministrada no laboratório de Informática da Escola, tanto a parte teórica como a prática virtual. Fiz em dois momentos: primeiro, uma explanação do objeto em estudo teoricamente, explicando como o conteúdo de Química Solução é importante na vida de cada um de nós. O interesse da turma foi logo detectado logo no início, com os questionamentos, conceitos, dúvidas muitas dúvidas e logo querendo fazer os experimentos.

No segundo momento, a exploração do objeto foi feita virtualmente, com os alunos muito felizes acessando os micros e fazendo e refazendo suas experiências, cada um no seu ritmo, mas interagindo muito bem com a máquina. Surgiram várias dúvidas, mas foi satisfatórios as simulações e o aprendizado. Após o término da aula os alunos sugeriram outras aulas assim ministradas, solicitei um relatório em grupo para avaliar a importância do trabalho e foi um sucesso.
Nubia Santos - turma 6

Fátima Feitosa disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIA
AULA DE BIOLOGIA - Sexualidade: O que é Sexo?
PÚBLICO ALVO: Alunos do 1º Série do Ensino Médio
ESCOLA: E. E. Professor Antônio Dantas Apodi –RN
Coordenadora:Fátima Feitosa
A aula ministrada teve a participação de uma profesora de biologia e teve duração de 2 aulas, percebemos que houve um interesse por parte dos alunos e interagiram com facilidade. Foi aprovado pelos nossos alunos atingindo assim resultados,sabemos que na sala de aula somente haveria um interesse mais com certeza não teríamos tanta envolvimento, pois no objeto nos uma visão muito boa dos nossos órgãos.
Valeu...Fátima Feitosa

Mário disse...

Relato de experiência.
Tema: Operações com Matrizes
O plano de aula proposto para exercutar na sala de informática com o 2º ano do ensino médio sobre o objeto de aprendizagem, operações com matrizes, como Adição, Subtração e Multiplicação, teve seu objetivo alcançado com a participação ativa dos alunos , na compreensão, na interpretação e na aplicação das atividades propostas no objeto de aprendizagem.
A nossa avaliação foi baseada nos objetivos propostos no plano de aula e teve como meta de avaliar a participação ,o interesse e a aplicação das atividades, em relação aos acertos das questões. Os alunos atingiram um rendimento bastante satisfatório nas
respostas das questões.
A aula na sala de informática, usando o computador como elemento complementar de aprendizagem tem um desempenho bastante interesante para o aluno, por ter uma série de elementos propício para a sua aprendizagem, como uma delas a aplicação
das tarefas em sala de aula.
Eu, como professor de matemática , estou bastante satisfeito pelo rendimento da turma, atingindo todos os objetivos relacionado no plano.
Turma: 3

lindoilton disse...

Relato de experiência
disciplina: Biologia
Assunto: O que é sexo
Série: 1º ano Ensino Médio
Escola Estadual Dr. Edino Jales
Cidade: Patu RN
Professor: Lindoilton Dantas de Araújo.

Ao fazer a colocação do tema houve uma participação maciça dos alunos, penso que por ser um assunto de muito interesse dos mesmos, o que proporcionou um debate muito bom, isto em sala de aula, logo após fomos para sala de informática onde também houve boa aceitação do objeto de aprendizagem.

Francisco Carlos Rodrigues Santos disse...

FRANCISCO CARLOS RODRIGUES SANTOS – TURMA 12

Relato da Experiência


Este trabalho foi executado na Escola Estadual Joaquim Inácio, que está situada à rua Projetada s/n, em Martins-RN.
O projeto foi desenvolvido no âmbito da disciplina de Biologia, com a duração de 3 horas- aulas, para alunos do primeiro ano do Ensino Médio, com o conteúdo sobre a sexualidade humana.
Os objetivos do projeto foram os seguintes: Indagar o conceito de sexo como sinônimo apenas de ato genital; refletir o tratamento dado à sexualidade em diferentes mídias e debater a existência de estereótipos no âmbito da sexualidade. Para isso, partiu-se da compreensão da cultura da sexualidade, haja vista que a sociedade brasileira é bombardeada por inúmeras matérias vinculadas ao tema explorado por intermédio de diversos meios de comunicação de massa.
Metodologicamente, em um primeiro momento fizemos uma tempestades de idéias com participação de todos os aprendentes presentes sobre o seu ponto de vista a respeito da sexualidade, cada um se posicionou a respeito do tema proposto. Em síntese, disseram que sexualidade é afetividade, amor, energia, vida, namoro, sexo, entre outros. Depois, usamos os conceitos propostos de alguns autores da literatura biológica e, que colocam a sexualidade como uma “força motriz” na vida humana.
Fomos ao laboratório de informática e exploramos o objeto virtual intitulado: “Eu não pensei nisso”! para aprofundarmos o tema estudado. Todos os educandos exploraram o objeto, realizaram suas conclusões e fizemos uma partilha que nos ajudou a confirmar ou a refutar as idéias que tínhamos em mente.
Esta experiência de ensino aprendizagem foi muita valiosa para minha docência, pois, até então, não tinha aplicado aulas com esta roupagem, acredito que os objetos virtuais de aprendizagem podem ser fortes aliados no processo pedagógico.

ORIEL RÊGO disse...

TEMA: SOLUÇÕES
Quando abordei o conteudo em sala de aula antes de leva-los ao laboratório de informática, eles tiveram muita dificuldade em relacionar os calculos com a química, em seguida levei a turma para ter o contato com o objeto da rived " soluões ", onde a aceitação foi total, eles mesmo com dificuldades para a resoluão dos problemas mas ficaram tentando e reveram os conseitos.
A participação foi muito boa o aproveitamento muito melhor...

MAJELA REGINA disse...

RELATO DE EXPERIÊNCIA
Disciplina :Biologia
Conteúdo: Genética
OA:As ervilhas teriam ajudado Jacó?
Público alvo: Alunos do 3º ano do ensino médio
O conteúdo já havia sido trabalhado, o uso do OA foi para revisar o conteúdo.As atividades propostas pelo mesmo ,fez com que os alunos tivessem um novo olhar sobre a 1ªLei de Mendel.Realizar os cruzamentos e ver os resultados na 'prática' foi muito estimulante e divertido para eles, bem como foi desafiador ,concluir os resultados. Ao final eles expulseram suas conclusões .Espero agora por novos OA e novas oportunidades.

Gilvania Viana e Conceição Nobre disse...

TURMA - 15

"Relato de Experiência"
- Tema: Metabolismo Celular.

Iniciamos a aula com apresentação de slides, logo em seguida a turma foi dividida em grupos para debater cada tema mostrado. Foi interessante pois os alunos trocaram idéias e conhecimentos aprendidos na sua vivência. Dando continuidade a aula, foi feita apresentação de cartazes sobre os produtos industrializados a partir da fermentação. Nessa oportunidade eles mostraram uma entrevista realizada com o padeiro de nossa cidade, dando dicas de como preparar o pão e como o fermento agia sobre ele. Para melhor entendimento da temática realizamos alguns experimentos no laboratório de ciências, como: observamos a ação das leveduras realizando fermentação alcoólica. Utilizamos materiais simples: fermento biológico, garrafa pet, bexiga, água e açúcar. A partir das observações e questionamentos, os alunos produziram relatórios sobre as conclusões obtidas. Essa atividade foi muito produtiva, além de dinamizar o laboratório de ciências, a aula tornou-se mais estimuladora. No laboratório de informática da escola, também realizamos uma atividade importante e por não dizer a mais esperada pelos alunos, trabalhamos com uma simulação sobre a respiração. Houve a participação de todos, demonstrando interesse na atividade, porém encontramos dificuldades no manuseio do computador. Mas com certeza a interação dos alunos com o objeto apresentado foi muito bom. Terminamos a aula discutindo toda a temática vista na simulação. A avaliação foi realizada no decorrer de cada atividade.

Pedro Rodrigues disse...

RELATO DA EXPERIÊNCIA
DISCIPLINA: Física
ASSUNTO: Hidrostática
PROFESSOR: Pedro Rodrigues da F. Neto
TURMA: 1ª Série – Ensino Médio
TURMA NO CURSO RIVED: 12
Uma Aula Diferente

Com o objetivo de dinamizar o processo Ensino-Aprendizagem, uma temática já tão desgastada da nossa Educação, e envolvendo-nos dos recursos de que o programa Rived na escola oferece, ousamos utilizar dos recursos de que o mesmo propicia com a inteira finalidade de verificar resultados nos nossos alunos do ensino médio. Para tanto, planejei uma aula baseada na filosofia do rived com a preocupação de obter resultados frente aos nossos alunos. E observei que o aluno mostrou-se mais interessado através da interação de que o programa oferece. Iniciei o conteúdo fazendo um resgate histórico do mesmo dentro da sala de aula, mostrando alguns conceitos da hidrostática e já abrindo alguns questionamentos que só através dos laboratórios de ciências como o de informática é que evidenciamos na prática os seus resultados. A maioria dos alunos se mostrou atenciosos e ao mesmo tempo captadores das informações que ora trabalhamos no coletivo. Desta forma observei também que tanto os conceitos como o conteúdo em si ficou mais sólido dentro da cabeça de todos os alunos, pois pude observar dentro da avaliação que oralmente fiz com os mesmos.
Este forma de trabalhar os conteúdos de Física me deixou ainda mais otimista de vencer barreiras encontradas dentro desta área tão complexa para os nossos alunos.

Cleone (turma 12) disse...

O projeto foi desenvolvido no componente curricular: Biologia, com 3 horas de duração, ma 1ª série do ensino médio com o tema: ”Eu não pensei nisso”. Os objetivos foram: Refletir sobre a sexualidade humana, considerando o tratamento dado ao tema em diferentes mídias, bem como o estabelecimento das relações entre sexo e cópula. Para isso, fizemos o debate sobre a temática em foco; questionamos as diferentes formas de a mídia tratar a sexualidade e procuramos estabelecer relações entre a biologia e as manifestações culturais que influenciam na educação e na aprendizagem dos nossos alunos. Os procedimentos metodológicos utilizados foram: Leitura colaborativa questionamentos acerca dos padrões de comportamento estabelecidos pela sociedade para ambos os sexos e encaminhamento da atividade virtual, a qual se deu numa Lan-House próxima da escola, pelo fato do laboratório de informática da escola não esta em funcionamento. Os alunos foram divididos em grupos de 3 e foram convidados a discutir o conteúdo das revistas e estabelecer relações entre o perfil dos personagens e o tipo de revistas que seriam, compradas Por eles... etc. em seguida elaboraram reportagens apresentando uma postura critica sobre o assunto, para depois apresentarem para toda escola. Esta experiência de ensino e aprendizagem contribuiu muito para combater os preconceitos autoritários e levou os alunos a questionarem a rigidez dos padrões de conduta da sociedade para homens e mulheres, apontando de modo significativo para as transformações sócio culturais do mundo moderno. Alem do mais, tornou a nossa aula interessante, trazendo para nós educadores a compreensão de que a utilização das novas tecnologias e o desenvolvimento de atividades virtuais são recursos inovadores que permitem aos educandos a formulação de idéias, a construção de conceitos e dão margem ao campo da pesquisa e à sistematização dos conhecimentos.